sexta-feira, 30 de novembro de 2007

O nosso ensino de Ciências continua ainda muito precário

Os resultados divulgados a respeito do PISA (Programa Internacional de Avaliação de Alunos) coloca os estudantes brasileiros da educação básica novamente nas últimas posições. Em particular, no quesito de Ciências, o desempenho foi pior. O dado alarmante é que apenas 9 % dos professores de Física da rede pública de ensino tem formação na área. No caso de Química o número é 13%.
No meu ponto de vista há vários fatores que nos levam a ser a lanterna novamente. Alguns eu considero que são mais críticos:

1-) Falta de incentivo para a carreira de professor: com baixo salários jamais teremos bons resultados. Número excessivo de aulas também não permite a preparação adequada dos professores. Ninguém trabalha direito se não tiver as condições adequadas.

2-) Falta de investimento na formação continuada dos professores: Se o professor não tem tempo para se atualizar, pesquisar, participar de congressos, fazer cursos etc, não há como melhorar a sua prática docente.

3-) Falta de ações de divulgação científica: A Ciência ainda está muito longe dos alunos e das pessoas que estão fora do ambiente escolar. Se não somente os estudantes mas também a sua família tem acesso a esse tipo de informação surge o ambiente necessário para a formação da cultura científica. Como qualquer outra forma de conhecimento apenas nos interessamos por algo quando aquilo de fato representa alguma coisa para a nossa vida.

Mais detalhes vejam a reportagem da Folha de S.Paulo de hoje

3 comentários:

  1. Pois é, Adilson... A mesma notícia nos chamou a atenção ao mesmo tempo (como carioca, eu a li n'O Globo...) e também "bloguei".

    A sua terceira observação é, talvez, a mais importante: motivação. E me sugere um tema para mais um artigo sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  2. Caro João Carlos,
    Fico feliz po ter te motivado.
    Aguardo o texto ansiosamente
    Um abraço
    Adilson

    ResponderExcluir
  3. meio atrasada, mas...

    também falei sobre este assunto hoje no via gene... e só agora vi o bate-papo que estava rolando por aqui. Deixei uma resposta para o João lá no via, mas, basicamente é muito parecida com a visão do Adilson!

    um abraço,

    ana claudia

    ResponderExcluir

Todos os comentários são bem vindos desde que sejam pertinentes aos posts